É possível reprogramar a mente?

Este artigo apenas expressa a minha opinião, respeito todas as outras, falo apenas de experiências que eu própria passei e estudos que fiz neste assunto. A questão que se coloca “É possível reprogramar a mente?”, para mim, é. Se é fácil? Não. Eu comecei a “reprogramar” a minha mente à cerca de um ano atrás, devido a uma crise depressiva que me provocou vários ataques de ansiedade e por consequência uma falta de vontade de viver. Atenção, estou a falar no caso de uma depressão – crise depressiva. Existem outras depressões associadas a outras doenças, sobre as quais não posso falar, … Continue reading É possível reprogramar a mente?

Quando um filme te relembra momentos únicos.

  Ontem vi o filme The Greatest Showman, já há bastante tempo que o andava para ver, mas só ontem é que o consegui ver. Não estava com grandes expectativas acerca do filme, sabia que se tratava de uma espécie de musical onde entrava o Hugh Jackman (actor que aprecio bastante… por variadas razões… ) e era sobre um circo ou sobre um espectáculo musical. Digamos que, tive das mais agradáveis surpresas, podem dizer o que quiserem e classificarem como quiserem, para mim ele proporcionou-me momentos únicos. Porquê? Ora, tem a ver com as nossas experiências de vida, não é? … Continue reading Quando um filme te relembra momentos únicos.

Passo a passo…

Enquanto houver estrelas no céu, que me permitam olhar,vou fixar toda a sua plenitude.e permitir-me sonhar.Durante anos não vi estrelas,estiveram timidamente escondidas.Imperceptíveis numa névoa,de dor e humilhação.Mas um novo acordar,fez-me despertar, a mente,para o presente,sentir, sem dor nem reprovação.Permitir sentir,apenas sentir-me,no momento,olhar-me e ser feliz.Gosto de abraçar o dia,e acariciar a noite.São pequenas conquistas,que nos fazem viver um dia devagar.  Continue reading Passo a passo…

Ventos que passam.

Dentro da minha mente passam-se coisas, que não são visíveis, nem ditas, o que permito que se veja são apenas cabelos, a voarem ao vento. A mente ninguém vai compreender, não tentem entrar dentro dela, não conseguirão. O que se pensa, pensa, o que se acha, acha, mas são cabelos, ao vento. Na necessidade de atenção incansável. Da tua boca saem palavras contraditórias, apregoas palavras ao público lindas e brancas, mas nos bastidores moveste-te como sombra negra e escura.  Fantasmas que me perseguem, sempre com a mesma assombração, puxam-me para irrealidades não minhas, através da manipulação. E eu, à muito tempo, … Continue reading Ventos que passam.

Só mais um… não obrigado!

Só mais um e desapareci,só mais um e esvoacei, entrei no nevoeiro,esfumacei.Só mais um numa infinidade,sem individualidade,mundo de massa,sem visão.Só mais um sem voz,sem nada a acrescentar,no meio da multidão,rouco.Só mais um número,só mais um ser,cartão, bilhete, coisa,número.Sempre a somar,mais um,quantidade,número. Quem nos torna? Ser mais um?Lutemos por nossas ideias,não sejamos apenas mais um,sigamos os nossos sonhos,pensamos individualmente,para compartilhamento colectivo. Colectivamente, mesmo com diferença, somos fortes,apenas temos que nos compreender,entender que o outro não é nosso reflexo,não é um número mas um individuo.Somos várias ideias,somos várias crenças,somos várias culturas,somos várias histórias,não somos reflexos nem espelhos.Por isso, ao contrário do que nos fazem crer,somos … Continue reading Só mais um… não obrigado!

Imaginário

Habito lugares encantados,de sonho e possibilidades,deles, nascem concretizações.Do imaginário construo o meu mundo,aquele que habito e visito, quando quero e me permito.Lá, crio cor,crio emoção, fantasiae, nele contemplo, tamanha beleza.Sonhos, que nos comandam na vida,que nos movem em frente,avançar, para além das fronteiras da imaginação.Quando deixam de ser sonhos,passam a realizações/concretizações,mas não param de fazer sonhar.Porque este espaço que visito,do meu imaginário é o que me permite criar,e continuar a avançar.É tão bom termos estes espaços, são neles que vamos buscar a nossa inspiração.Cada um, com a sua expressão. Continue reading Imaginário

Mandalas

Já alguma vez experimentaram desenhar ou pintar uma mandala? Se nunca tentaram, aconselho a experimentar pelo menos uma vez, apenas fica a sugestão, não quero obrigar ninguém. Contudo, posso-vos dizer que criar mandalas é um processo fantástico de auto-conhecimento e possui inúmeras finalidades terapêuticas: Reduz a ansiedade Ajuda no bem-estar Treinamento do foco Desenvolve a paciência Desenvolver a nossa criatividade Faz entrar em estado meditativo Permite-nos o encontro com o nosso inconsciente Eu sempre fui uma pessoa ligada às artes, gosto de desenhar e colorir, sarrabiscar, contudo, durante um grande período estive parada porque não conseguia desenhar, tinha simplesmente perdido … Continue reading Mandalas

Quadro Abstracção

“Esse ponto de contato interior, apesar de toda a sua importância, não é, entretanto, mais do que um ponto. Após o longo período de materialismo de que ela está apenas despertando, nossa alma acha-se repleta de germes de desespero e de incredulidade, prestes a soçobrar no nada. A esmagadora opressão das doutrinas materialistas, que fizeram da vida do universo uma vã e detestável brincadeira, ainda não se dissipou. A alma que volta a si permanece sob a impressão desse pesadelo. Uma luz vacilante brilha tenuemente, como um minúsculo ponto perdido no enorme círculo da escuridão. Essa luz fraca é apenas … Continue reading Quadro Abstracção

Lugares que inspiram

Qualquer lugar pode ser um sitio inspirador, a mim, particularmente, é aquele que me oferece cor, história, cultura e encantamento, sou movida por lugares místicos em busca do encantado. Encantamento do sitio, das pessoas e tradições, da cultura desconhecida que me desarma e faz questionar. Comanda-me no sonho, imaginação, criação e na aprendizagem, são lugares de grande encanto e inspiração. O olhar move-se de arquitecturas e arte, o sentimento, no gestos de pessoas, costumes desconhecidos, cores fascinantes de outras terras com luzes tão distintas, e toda a sua natureza deslumbrante e imponente – preenchem-me. Inúmeros lugares que inspiram, espero um … Continue reading Lugares que inspiram

Pessoas que inspiram

Inspirações que nos surgem de todos os lados, alegram-nos o coração enchem-nos o mundo de vida. Por vezes, estas inspirações, surgem quando menos esperamos, vêm de uma ou outra pessoa. Por vezes, sentimos que recebermos o mesmo que damos, sentimo-nos gratificados e ainda mais inspirados. Sentimos o reconhecimento, num agradecimento de traços, linhas, cores, concepções abstractas. Por vezes está alguém do outro lado que nos mostra como podemos partilhar ideias que nos preenchem. Trocamos interesses, ideias, filosofias, perspectivas, e das conversas – acrescentamos/retiramos. Ajuda mutua na arte de criar, olhos na arte, pintores que pintam a mesma tela, despretensiosamente, estabelecem … Continue reading Pessoas que inspiram

Caminho menos percorrido

Optei pelo caminho menos percorrido. Há um certo encanto em percorrer caminhos menos percorridos, são sempre estes, que me acrescentam, desafiam e fazem-me crescer, conhecer, amplificar a visão, perceber que não há lados certos ou errados – mas existem lados/caminhos. É no meio das dificuldades, das tempestades e das novidades que os nossos olhos se abrem. Caminhando por florestas pouco trilhadas, nunca sabemos o que se encontra do outro lado das árvores, trás-nos a surpresa e o desafio da incerteza, se vamos ultrapassar o que se depara à nossa frente – quase sempre conseguimos, porque somos sobreviventes, arranjamos soluções criativas … Continue reading Caminho menos percorrido