Texto sem sentido algum… sonhos, balões, passados, histórias e voos. É o que acontece quando se escreve muito tarde.

Um dia sonhei que vivi uma história,
acho, não tenho certeza,
pertenceu a um passado,
que agora o vejo cada vez mais longínquo.

Nessa história eu tinha encontrado um balão, o qual valorizei bastante.
Mas um dia o balão furou, rebentei-o sem querer, culpa minha.
Errei, pensei, e tentei reconstruir o balão.
Mas todos sabemos que balão rebentado não volta a voar.

Tentei encher outro igual,
mas nada foi igual,
o que enchi, um dia explodiu-me na cara.
Não forcei mais, porque aquilo doeu,
mesmo em sonho.

Então pensei, não passa de uma história de balões que só tem significado para mim.
Houve prazo de validade em que o balão estava cheio, agora não há trivialidades…
Que se pode dizer? Nada, porque no meu ver, há muitos balões.

Com o passar do tempo percebi,
para além de uma história foi um sonho.
Porquê ter-me agarrado tanto a um balão que tinha tendência em rebentar?
Era um sonho. Eu dei valor ao balão, e o balão?
Eu tenho tendência a dar valor a coisas muito estranhas.

Agora, deixei de o encher, com muita tristeza minha, deixou saudade que tenderá a acabar.
O balão voará montanhas, e será magnifico, transformar num balão da Capadócia! Ficará gigante!

Aprendi, que nunca voei nem voava como o balão por isso… balões a voarem em mundo de balões.
No fundo não passou de um sonho.
Mas, até nos sonhos, existem princípios… senão, valeram o que valeram.

E agora vou dormir que já não digo coisa com coisa… é por isso que já não escrevo à noite, não encontro balanço no que escrevo.


Não estou a comparar a nada concreto. Novamente é uma forma de mostrar desapego de coisas que nos fizeram magoar. Embora demonstrado de forma muito ensonada.

Advertisements

4 thoughts on “Texto sem sentido algum… sonhos, balões, passados, histórias e voos. É o que acontece quando se escreve muito tarde.

    1. Miau, agora revisitando o post passado algum tempo, veio-me à ideia uma coisa engraçada, a obra de Banksy, Girl With Balloon.
      Sim, acho que todos temos, temos, tivemos balões assim… mas a ideia é mesmo essa, não ficar agarrada ao conceito da coisa, valorizar enquanto temos e depois, deixar fluir, ir… Porque nós, tambem vamos, andamos, fluimos 🤗
      Espero que esteja tudo bem contigo.
      Abraços.

      1. Compreendo Miau. O “tudo” nesta altura é muito mesmo com muito peso. Espero que dias mais leves venham e com melhores expectativas, que corra pela melhor… 💙

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.